Médica rebate informações a respeito de denúncia em Câmara Itinerante

Ouro Preto,
29 de Julho de 2015

A médica Marcela Delgado, que realiza atendimento no Posto de Saúde do distrito de Santo Antônio do Salto, esclareceu sobre as denúncias veiculadas na matéria publicada dia 3 de julho, na edição 1150, página 8, intitulada, “Câmara itinerante é realizada em Santo Antônio do Salto”.

Primeiramente, a médica afirmou que o denunciante, José das Graças Moutinho, não é enfermeiro, como afirma a matéria, e sim técnico de enfermagem. Segundo, que o atraso de chegada ao local de trabalho se deve ao trajeto que o motorista precisa empreender. “Antes do Salto é preciso passar em Lavras Novas para deixar a técnica de enfermagem e muitas vezes precisamos dar a volta pela Chapada em virtude da péssima qualidade do acesso ao Salto pela serra. Desta maneira é impossível chega ao Salto no horário ideal”, destaca Marcela.

Por último, que são agendados cinco pacientes ao dia, mas que devido à demanda, “em dia nenhum eu atendi apenas cinco pacientes no posto. Esta é quantidade de pacientes que são agendados, porém nesses dias também temos demanda espontânea, totalizando em torno de 10 ou 12 pacientes pela manhã e mais quatro pacientes à tarde”, arrematou.

Comments powered by Disqus

Newsletter

Acompanhe-nos

Encontre-nos no Facebook