Marianense conquista o maior prêmio da União Brasileira de Escritores

Mariana,
15 de Julho de 2016

Na semana comemorativa do aniversário de Mariana, a Cidade Mãe de Minas Gerais recebe a notícia de que a escritora e artista plástica marianense Andreia Donadon Leal conquista o maior prêmio da União Brasileira de Escritores, o Troféu Rio 2016, vencendo dois renomados escritores cariocas detentores do Jabuti e passa a figurar na galeria de notáveis da Literatura Brasileira como vencedora da décima quarta edição desse prêmio. A terra de Frei Santa Rita Durão, Claudio Manuel das Costa, Diogo de Vasconcelos, Alphonsus de Guimaraens, José Severiano de Resende e tantos outros, que tinha reconquistado o título de capital da poesia com o advento do Aldravismo em novembro de 2000, é agora consagrada com o reconhecimento da mais tradicional união de escritores do Brasil.

A entrega do Troféu será no dia 20 de julho no Rio de Janeiro/RJ. Domício Proença Filho, que recebeu o troféu ano passado, estará na comemoração para entregar simbolicamente o prêmio deste ano à escritora mineira aldravista Andreia Donadon Leal. Para Andreia “ganhar o Troféu RIO 2016 da UBE-RJ é o reconhecimento e a consagração do trabalho literário de promoção cultural, passando a figurar entre as maiores entidades culturais do Brasil; a consagração do Aldravismo criado em Minas e levando o nome de Mariana para o mundo há 16 anos. A premiação é de suma importância à carreira de todos os escritores e promotores culturais, especialmente a devolução à Mariana do título de “Cidade Mãe da Literatura Mineira.”

O trófeu

O troféu “Rio” da União Brasileira de Escritores RJ é concedido à intelectual e a entidade que tenha ativa participação na cultura brasileira. A escolha do agraciado é realizada por votação de escritores brasileiros e também por recomendação de entidades civis. A artista plástica Dorée Camargo fez a concepção da escultura para o troféu.

Aldravismo

O Movimento Mineiro de Arte Aldravista colocou na galeria dos imortais de Mariana poetas como Gabriel Bicalho, Lázaro Francisco da Silva, J. S. Ferreira, Hebe Rôla Santos, J. B. Donadon-Leal, Luiz Tyller Pirola, José Luiz Foureaux, Arley Camilo e Geraldo Reis. Além disso, Andreia é a criadora da Aldravia, em parceria com Gabriel Bicalho, J. B. Donadon-Leal e J S Ferreira, e faz de Mariana o berço da primeira forma de poesia genuinamente brasileira, já reconhecida nacionalmente por entidades literárias que promovem publicação da Aldravia em todos os Estados da Federação e, internacionalmente, pela Academia de Letras e Artes de Paris, pela Academia de Letras e Artes de Portugal, pelo Ateneu de Letras de Madrid, pelo Clube de Escritores do Chile e pela IWA – International Writers and Artists Association com sede em Toledo, nos Estados Unidos.

Saiba quem é Andreia Donadon Leal

Andreia Donadon Leal – nome artístico de Andreia Aparecida Silva Donadon Leal,Cidadã Honorária Especial de Mariana, natural de Itabira – MG; viveu 22 anos na cidade de Santa Bárbara – MG, filha de Edson Batista da Silva e Maria Aparecida Ferreira da Silva. Reside em Mariana há 14 anos. Formada em Letras pela UFOP. Especialista em Artes Visuais, Cultura e Criação; Mestre em Literatura pela Universidade Federal de Viçosa (Linha de Pesquisa: literatura, cultura e sociedade). Diretora de Projetos Culturais da Aldrava Letras e Artes; Membro da Academia Municipalista de Letras de Minas Gerais; da Academia Feminina Mineira de Letras, da Academia de Letras e Artes de Portugal, Presidente fundadora da ALACIB – Mariana e da ABRAAI (Academia Brasileira de Autores Aldravianistas Infantojuvenil).

Idealizadora do Projeto Poesia Viva – a poesia bate à sua porta – vencedor do Prêmio VivaLeitura – MEC/MINC em 2009, que distribuiu 41 mil livros em diversas cidades mineiras. Em novembro 2013, seu projeto de incentivo à leitura, ao livro e à literatura foi destaque no Fantástico. Em 2014, foi destaque no Jornal Hoje da Rede Globo, com lançamento do Livro das Aldravias em Portugal e Espanha. O projeto Poesia Viva foi destaque no Canal Futura da TV Globo e na TV Câmara Federal.

Marianense conquista o maior prêmio da União Brasileira de Escritores
Comments powered by Disqus

Newsletter

Acompanhe-nos

Encontre-nos no Facebook